Volte a atender todos os seus pacientes: como ficará seu consultório odontológico com a reabertura?

A pandemia do coronavírus mudou todos os planos que você tinha para sua clínica de odontologia em 2020, não é mesmo? A partir dela, muitos desafios surgiram para os dentistas.

Em algumas regiões do país, a situação foi mais séria do que em outras. Por comando dos poderes governamentais, algumas clínicas odontológicas tiveram de permanecer fechadas sem atender pacientes por um tempo. 

Por outro lado, algumas cidades tiveram menos casos, e foi possível continuar o atendimento presencial dos pacientes, tomando as precauções necessárias. 

Independente da situação em sua clínica ter sido o primeiro ou o segundo exemplo, o número de pacientes diminuiu não é mesmo? Mesmo que tenha sido apenas um pouco.

O medo das pessoas de sair na rua e realizar uma série de tarefas se tornou um fato. Então muitos pacientes que iam rotineiramente em sua clínica deixaram de fazer isso, ou aumentaram os intervalos entre consultas. 

E isso faz com surja mais um desafio, dessa vez no setor financeiro da clínica odontológica, resultando em um fluxo de caixa com mais saídas do que entradas. 

Dentre tantos desafios e incertezas, dentistas se perguntam como ficará sua clínica nessa reabertura. Se você está procurando uma resposta para as questões acima, este texto poderá te ajudar muito! 

Continue sua leitura: 

Comunique-se com seus pacientes

Volte a atender seus pacientes com segurança | Dental Office

Como dito no início deste texto, muitos pacientes estarão com medo de sair de casa. Então a comunicação com essas pessoas terá de ser bastante atenciosa!

Utilize as redes sociais (principalmente Facecook, Instagram e WhatsApp) para falar sobre as medidas de segurança que estão sendo tomadas. Deixe claro que ele não estará correndo grandes riscos, porque sua equipe está preparada para lidar com este momento.

Também é preciso falar da importância de dar continuidade aos tratamentos e de ir ao dentista sempre que perceber algo estranho! Afinal de contas, algumas situações podem ser resolvidas rapidamente. Mas se deixadas de lado, o quadro pode se agravar seriamente.

São informações simples e corriqueiramente destacadas por diversos profissionais da saúde, mas sempre é válido lembrar seu público disso.

Lembre-se de orientar seus pacientes em questões como:

Horários de atendimento 

Deixe claro quais os dias da semana e os horários em que seu consultório ou clínica odontológica estará realizando atendimentos. 

Práticas de segurança

Peça para que seus pacientes usem máscara enquanto estiverem na clínica, salvo durante o atendimento com o dentista. Destaque também que todos devem evitar levar acompanhantes, e que a higienização das mãos, seja com álcool em gel ou água e sabão, é necessária sempre que ele chegar e sair da clínica. 

Auxilie seus pacientes em isolamento

É importante lembrar que seus pacientes em isolamento também podem estar tendo dúvidas a respeito de seu tratamento, ou até mesmo dores. É possível manter o contato com essas pessoas através das redes sociais, dando dicas e auxiliando-as. A telemedicina pode ser bastante útil para isso também. 

Para mais informações sobre segurança nos atendimentos confira o post: 3 tecnologias anti COVID-19 para proteger pacientes e funcionários na clínica

E é claro: Caso sua clínica tenha ficado um tempo fechada sem realizar atendimentos e agora suas atividades estejam sendo retomadas, avise seus pacientes! 

Telemonitoramento

Através da telemedicina é possível realizar o telemonitoramento. Essa possibilidade ajuda a melhorar, e muito, o relacionamento entre o dentista e seus pacientes

A resolução do CFO (Conselho Federal de Odontologia) regulamentou o atendimento odontológico a distância feito através de telemonitoramento. No entanto, é necessário seguir as normas do conselho à risca. 

Saiba tudo sobre isso no post: Como implantar o telemonitoramento em sua clínica odontológica?

Ao contar com uma ferramenta de videochamadas em sua clínica odontológica,o dentista consegue acompanhar os pacientes que estão geograficamente longe da clínica, ou que se encontram em isolamento social.

De qualquer maneira, o profissional da odontologia poderá conversar com o paciente, tirar dúvidas e agendar uma consulta presencial, se necessário. 

Em um momento de tantos medos e  inseguranças, faz toda a diferença mostrar para seu paciente que mesmo de longe, ele pode contar com você!

Por isso, contar com um sistema como o Dental Office, que oferece a ferramenta para telemonitoramento integrada ao software, se faz essencial. Assim, o dentista poderá conferir informações importantes sobre seus pacientes, aumentando a qualidade dos atendimentos a distância.  

Implemente medidas de segurança 

Volte a atender seus pacientes com segurança | Dental Office

Existem alguns cuidados extras que podem ser tomados em sua clínica. Assim, a possibilidade de garantir a segurança com seus pacientes, com sua equipe e com o dentista aumentará muito!

Confira quais são essas medidas de segurança:

Mantenha um espaço entre as cadeiras ou poltronas da sala de espera: o ideal é que as pessoas mantenham uma certa distância entre si. 

Não mantenha revistas e jornais na sala de espera: este tipo de item acaba sendo passado de mão em mão durante o dia e isso pode acabar propagando o vírus em sua clínica odontológica.

Janelas e portas devem ser mantidas abertas: garanta que exista circulação de ar natural em sua clínica, tanto dentro do consultório quanto na sala de espera.

Aumente o intervalo entre os atendimentos: o consultório terá de ser higienizado com ainda mais cuidado, e isso leva mais tempo do que em períodos normais. Para isso, aumente o intervalo entre os atendimentos a fim de manter sua agenda organizada.  

Evite atrasos: quando os atendimento atrasam, o número de pacientes na sala de espera aumenta. Por isso, evite ao máximo que seus atendimento atrasem!

Aumente os cuidados através da biossegurança

A biossegurança se faz essencial para que a prática odontológica seja segura e continue sendo feita com tranquilidade para todos os envolvido, por isso existem algumas ações práticas que podem ser adotadas em sua clínica para segurança de todos!

1- Garanta que nenhum dos pacientes que serão atendidos está com COVID-19, perguntando se ele possui algum dos sintomas. Se for o caso, peça para que o atendimento seja postergado;

2- Evite procedimentos com aerossóis, realizando apenas em casos mais urgentes;

3- Use peróxido de hidrogênio (água oxigenada) para diminuir as bactérias orais dos pacientes, fazendo com que todos eles enxaguem a boca antes de iniciar o atendimento.

Você pode conferir mais dicas neste material: Dicas de biossegurança na prática odontológica

Caso você esteja procurando por mais informações a respeito da biossegurança em clínica odontológicas, confira este material gratuito: