Auxiliar de dentista: quais as habilidades desse profissional?

Para que o atendimento da sua clínica ou consultório odontológico seja realmente eficaz, em algum momento você sentirá a necessidade de ter uma auxiliar de dentista. 

A primeira atitude pode ser a mais convencional: ter como auxiliar a sua secretária odontológica ou alguém que dividia essas funções, de alguma forma.

No entanto, nesse momento, se atenha a um fato importante: não é recomendado que se contrate uma secretária que faça o papel de auxiliar, e vice-versa. 

Ambas possuem funções bem diferentes e muito importantes para o bom funcionamento de sua clínica. Vamos falar mais sobre isso?

Perceba que sua secretária tem funções administrativas, enquanto a auxiliar de dentista tem suas funções voltadas para o atendimento direto no tratamento do paciente dentro do seu consultório. 

Continue sua leitura para compreender as principais habilidades e funções de um auxiliar de dentista:

Funções de um auxiliar de dentista
Habilidades de um auxiliar de dentista
Conclusão

Funções de um auxiliar de dentista

Entenda porque seu consultório odontológico precisa sair do papel

As funções de um auxiliar de dentista estão voltadas para o atendimento direto com o paciente. E suas funções se focam em atividades como: 

Auxiliar de instrumentação

Uma das funções que o auxiliar de dentista pode ter é a de instrumentar o dentista durante os procedimentos, que podem ser cirúrgicos ou não.

Esse profissional pode lhe acompanhar, por exemplo, durante a manutenção de rotina de aparelhos ortodônticos. Ele se torna responsável por garantir que o dentista tenha um acesso seguro e fácil a todos os instrumentos necessários.

Seja para abrir a gengiva e retirar um dente, ou para trocar as borrachinhas do aparelho, contar com o apoio e a agilidade desse profissional pode ser fundamental no seu dia a dia. 

Auxiliar de dentista para o atendimento

Outra função que pode ser desenvolvida pelo auxiliar é o atendimento inicial do paciente.

Isso não significa que ele estará atuando como recepcionista. Ele será responsável por chamar seu paciente, colocá-lo na cadeira, conversar com ele e, se necessário, iniciar algum procedimento ou então pedir qual seu problema, separando os utensílios necessários para o atendimento. 

É importante que esse profissional também conheça algumas particularidades do paciente que são importantes para o atendimento, como fobias e alergias. 

Auxiliar de controle de infecção

Pelo fato de que o ambiente é propício ao aparecimento de doenças, se faz necessária uma limpeza correta dos materiais do consultório, além do descarte de forma adequada.

É necessário que o auxiliar de dentista realize a esterilização dos instrumentos utilizados nos procedimentos. Dessa forma é possível garantir que o ambiente seja seguro para o paciente e para o dentista.

Aprofunde seus conhecimentos sobre o assunto no eBook: Biossegurança para dentistas: tudo o que você precisa saber

Auxiliar de saúde bucal (ASB)

Legalmente, o tipo de profissional que pode desenvolver todas essas funções é o auxiliar de saúde bucal (ASB). Ele utiliza seus conhecimentos técnicos e práticos, e garante maior conforto ao paciente durante o atendimento.

O auxiliar de saúde bucal (ASB) consegue notar as reações do profissional e do paciente, por exemplo, o que acaba ajudando o dentista a realizar os procedimentos com sucesso e muita segurança.

Habilidades de um auxiliar de dentista

COVID-19: como o Dental Office pode te ajudar? | Dental Office

Das habilidades de um auxiliar de dentista, analisa-se primeiramente o conhecimento desta pessoa sobre a ortodontia e sua facilidade de memorizar o lugar onde cada objeto é guardado dentro do consultório. 

Para garantir que ele desempenhe bem seu papel, ele deve ter habilidades como:

Habilidade de organização: para colocar todos os utensílios e equipamentos do seu consultório no seu devido lugar antes e depois dos procedimentos;

Habilidade de empatia: para que o atendimento odontológico seja mais humanizado, sabendo se colocar no lugar do paciente durante o atendimento;

Habilidade de conscientização: para saber lidar com diversas situações diferentes da melhor maneira possível;

Habilidade de desenvoltura interpessoal: para ter cuidado no atendimento e garantir que o paciente se sinta confortável no ambiente da clínica; 

A contratação de um auxiliar se faz necessária quando seu consultório possui uma agenda com fluxo de pacientes média ou grande. Tendo a ajuda desse profissional, é possível manter a qualidade do atendimento a todos os pacientes. 

O auxiliar de dentista se torna o braço direito do profissional durante os procedimentos e se torna um foco de segurança para o paciente sendo atendido.

Conclusão

Como você pôde ver ao longo do texto, um auxiliar de dentista ajuda a tornar seu atendimento ao paciente muito melhor! Quer ir mais longe e garantir uma experiência ainda mais positiva durante os procedimentos odontológicos? 

Então confira o eBook e tenha uma odontologia muito mais humanizada: