10 dicas para tornar sua clínica odontológica mais rentável

O mercado da odontologia no Brasil conta com uma grande concorrência entre clínicas e consultórios, o que torna a busca pela lucratividade uma verdadeira batalha de estratégias na gestão de um negócio odontológico. 

Abrir seu próprio consultório ou clínica odontológica, significa se tornar um dentista empreendedor. Isso traz muitas vantagens, mas também muitos desafios, afinal de contas, um gestor procura ter resultados financeiros satisfatórios, o que vai muito além da busca por um status, mas do próprio fortalecimento da marca pessoal e da sobrevivência.

Então como fazer com que minha clínica odontológica seja mais rentável?

Não há fórmula mágica, mas alguns passos chaves podem ajudar nessa empreitada e fazer com que sua clínica odontológica atinja o tão sonhado sucesso.

Planejamento estratégico para clínicas, desenvolvimento, controle, organização e otimização são apenas algumas das ações que deverão ser colocadas em prática para garantir que sua clínica odontológica seja realmente rentável. Confira algumas dicas essenciais abaixo: 

Tenha um planejamento financeiro
Cuide do fluxo de caixa
Rentabilidade a partir de investimento
Faça um planejamento de marketing
Conheça os processos da sua clínica
Conheça seu público alvo e invista na experiência
Procure evitar a inadimplência
Busque fidelizar seus pacientes
Analise seus indicadores de desempenho
Como o Dental Office pode te ajudar?

1- Tenha um planejamento financeiro

Planejamento é uma das palavras-chave para o sucesso, principalmente quando falamos sobre o setor financeiro. Esta é a melhor forma de garantir uma gestão financeira eficiente. 

Um planejamento financeiro requer que seja feita uma análise profunda de todos os resultados até o presente momento e de tudo o que tem.Olhe com clareza para as finanças, perceba os erros e acertos até aqui.

E se estiver começando, pesquise! Lidar com dinheiro e investimento, mesmo no setor odontológico, pode colocar tudo a perder se não avaliar os riscos. Estipule metas e objetivos para investir e utilizar bem o seu capital de giro, impedindo altos custos em seus processos.

2 – Cuide do fluxo de caixa

Organizar o fluxo de caixa em clínicas odontológicas é tarefa essencial para manter o controle da situação. Se você já fez uma análise do cenário que o levou até o patamar onde está, compreender de onde veio e para onde vai o dinheiro, é necessário.

É como aquela máxima: na dúvida, siga o dinheiro! O mesmo vale para a rentabilidade da sua clínica odontológica. Siga os passos dos seus investimentos e confira as entradas para garantir que as saídas não extrapolem.

Analisar com precisão esse caminho é uma tarefa que evitará dores de cabeça futuras e fará você ter uma dimensão real do que possui na conta para investir, além de evitar o desperdício.

3- Rentabilidade a partir de investimento

Mesmo com um fluxo de caixa já rentável, o investimento sempre deverá bater à porta se quiser impulsionar sua clínica odontológica.Nestas análises de cenários, não esqueça que “tudo depende”: do seu capital de giro, do seu conhecimento, das suas experiências.

Inove e não fique refém da receita de bolo do outro. Sua clínica e serviços são únicos, por isso, trate eles dessa forma e não menospreze o que conseguiu até aqui – mas também não menospreze a opinião alheia: Quem nunca mudou de ideia, não é mesmo?

Baldes de água fria nos seus sonhos devem ser levados com a tênue do “depende”. Lembre-se que é só com uma boa análise do cenário e conhecimento é que o plano sairá do “depende” para uma “certeza”.

4 – Faça um planejamento de marketing

Um plano de marketing nada mais é do que uma estratégia para alcançar os objetivos de sua clínica ou consultório odontológico.Para que ele seja feito, é necessário determinar seu objetivo e, a partir disso, planejar suas ações.

Deixar o marketing de lado nunca é boa ideia, e fazer ele sem pensar no peso de cada ação, pode ser um desperdício de capital. Busque um profissional experiente na área e movimente suas redes sociais. Ela é o novo cartão de visitas nos tempos digitais.

Use as palavras chaves que movimentam seu consultório odontológico, como também, a sua experiência. E não esqueça de se mostrar disposto, grave vídeos, interaja, busque responder as dúvidas dos seguidores. 

Afinal, se ele lhe perguntou algo é porque já está interessado em seu serviço como dentista. E, na busca por rentabilidade, mais clientes sempre ajudam a aumentar o fluxo de caixa da sua clínica.

5- Conheça os processos da sua clínica

Sua clínica é composta por pessoas que desenvolvem processos diariamente. Conhecer cada etapa desses processos é essencial para utilizá-los e melhorar a produtividade da sua equipe. 

Acompanhe de forma atenta como cada tarefa é executada, procurando melhorar a maneira como ela é desenvolvida na sua clínica. Para isso, ouça sua equipe e aprenda com eles.

Afinal de contas, quem desenvolve a tarefa dia após dia pode ter ideias de como tornar o processo ainda mais rápido. 

6- Conheça seu público alvo e invista na experiência

Quem é seu público? Quais as suas necessidades e desejos? Como você, dentista gestor, pode melhorar a qualidade de vida destas pessoas?

Conhecer as dores do seu cliente, e entender seu modo de vida vai garantir que seu atendimento e a comunicação do seu negócio sejam mais assertivos. Não espere que abraçar o mundo lhe trará a tão rentabilidade que seu consultório odontológico almeja.

Um bom trabalho feito a um público seleto pode começar sendo o passo crucial para atingir os patamares de sucesso. Atenda bem e invista nele. A experiência do cliente é parte fundamental para a fidelização (veja item 9) e manter a rentabilidade a níveis satisfatórios. 

7- Procure evitar a inadimplência

Combater a inadimplência é mais que necessário. Afinal de contas, isso acaba se tornando um contratempo para o caixa do seu negócio. A inadimplência é um problema cuja melhor solução é a prevenção. Para tanto, uma boa opção é contar com a análise de crédito.

Confira a capacidade de pagamento de seus pacientes checando o histórico destas pessoas.É possível fazer isso através do Connect Serasa, dentro do Dental Office! 

Quando se trata de finanças é preciso ter pé no chão. Contar com quem tem experiência no ramo de clínicas odontológicas é garantia de que nada passará batido ou ficará para trás.

8- Busque fidelizar seus pacientes

A captação de pacientes é de fato algo essencial para a sobrevivência de uma clínica odontológica. Contudo, jamais deixe de considerar a fidelização destes pacientes.

Isso vai garantir que seu negócio tenha um fluxo mais constante de pacientes, e seu fluxo de caixa se tornará mais positivo. 

A experiência, como mencionado no item 6, é um diferencial no ramo odontológico. E isso começa desde a recepção e segue até no pós consulta.

Um bom atendimento, voltado à preocupação real em solucionar os problemas do cliente, é um cartão de visitas. E se a primeira impressão é a que fica, melhor não errar nisso!

O plano do pós consulta pode ser um diferencial nesses casos. Mais do que clientes novos, garantir que os que chegaram permaneçam, é parte importante do processo e não deve ser deixado para segundo plano.

O pós consulta demonstra preocupação, atenção e cuidado. Um dentista preocupado com a satisfação do paciente é, com certeza, um diferencial que garantirá bons sorrisos para os dois lados.

9- Analise seus indicadores de desempenho

Os indicadores de desempenho de clínicas odontológicas, também chamados de KPIs (Key Performance Indicators), são informações que podem auxiliar muito na sua gestão e na tomada de decisão.

De forma geral, estes indicadores são informações que permitem uma gestão sem erros e bons resultados.

Os principais Indicadores de desempenho de uma clínica odontológica são:

·         Agendamentos/cancelamentos;

·         Ticket médio;

·         Novos pacientes;

·         Retenção;

·         Faturamento;

·         Inadimplência;

·         Taxa de ocupação;

As principais vantagens deste acompanhamento feito pelo dentista são:

  • Obtenção de informações cruciais para uma gestão eficiente;
  • Toda a equipe aprende muito mais sobre a clínica e seus pacientes;
  • Possibilita o acompanhamento das metas;
  • Promove organização do processo corporativo e administrativo;
  • Melhora a satisfação dos colaboradores e motiva toda a equipe

Um dentista atento aos indicadores de sua clínica possui mais controle na gestão. Você gostaria de entender melhor o assunto e saber como melhorar o desempenho da sua clínica? Então confira o nosso blog: 

Quais são os indicadores de desempenho das clínicas odontológicas?

10- Como o Dental Office pode te ajudar?

Através das ferramentas do Dental Office sua gestão se torna otimizada e integrada. Todas as informações ficam centralizadas no sistema de gestão odontológica. 

O Dental Office é um sistema para dentistas completo para garantir melhores resultados no seu dia a dia. 

Ele é a garantia de que nenhum detalhe passará despercebido: seja nas análises dos clientes ou dos indicadores de desempenho.

O Dental Office tem o compromisso com a rentabilidade da sua empresa, garantindo um serviço de ponta, seguro, eficaz, lucrativo e de alta performance.

Sua gestão financeira, organizacional e administrativa muito mais rápida e eficiente. Conheça as funcionalidades do Dental Office e saiba como ter sucesso em seu consultório.

Baixar eBook: Checklist do consultório odontológico de sucesso