Quanto investir em marketing odontológico?

O marketing odontológico tem sido cada vez mais utilizado por clínicas e dentistas que querem atrair mais pacientes, e também fidelizar os clientes antigos. É uma ótima forma de estar próximo ao seu público e se manter relevante.

No entanto, uma das primeiras perguntas que recebemos quando falamos de marketing para dentistas é: Quanto devo investir em marketing odontológico? 

Apesar de não haver uma resposta exata para essa pergunta, existem algumas formas de mensurar o quanto a sua clínica odontológica deve gastar. Claro, que cada passo desse investimento deve estar alinhado com os objetivos da empresa, e sempre incluído no planejamento financeiro.

Para tentar te ajudar a responder essa pergunta de acordo com o seu tipo de negócio, preparamos esse post com as principais informações que você precisa saber.  Então, se você tem dúvidas sobre esse assunto, continue lendo esse post.

Por que investir em marketing odontológico?

marketing odontológico

Antes de partirmos para a pergunta que motivou esse conteúdo, é importante entendermos primeiro porque investir em marketing odontológico. De acordo com uma pesquisa realizada pela Resultados Digitais mostra que 94% das empresas que apostam em marketing digital estão em busca do crescimento da marca. 

Mas além disso, existem também outras razões. Veja os principais motivos abaixo:

Para fortalecer a sua marca

O marketing odontológico é primordial para clínicas e consultórios que queiram ter mais credibilidade com seus pacientes. Assim, você aumenta o valor percebido do seu serviço, e se estabelece no mercado.

Para construir uma reputação para o seu negócio

Ter uma boa reputação é fundamental, ainda mais quando falamos em dentistas e demais profissionais da saúde. Afinal, um paciente não vai até um dentista que tem reclamações ou comentários que trazem dúvidas sobre sua atuação. E nesse sentido o marketing odontológico também pode ajudar.

Para atrair novos pacientes

Essa talvez seja a principal razão para investir em marketing para consultórios. Atrair pacientes é fundamental para manter o negócio no verde, e o fluxo de caixa saudável. Afinal, novos pacientes = novas receitas.

Para fidelizar pacientes atuais

Se engana quem pensa que o marketing é apenas para atrair novos clientes. Com essa ferramenta também é possível fidelizar os atuais pacientes, trabalhando o encantamento deste e aumentando ainda mais a sua satisfação com o seu serviço.

Para se manter competitivo no mercado

Por último, um bom marketing odontológico mantém o seu negócio competitivo no mercado. E isso é essencial para não perder seus pacientes para outros profissionais.

O que preciso fazer antes de investir em marketing odontológico?

Agora que já entendemos o quão importante é investir nesse tipo de ação para o seu negócio, é preciso “arrumar a casa” para que isso seja feito da melhor forma possível. Existem duas frentes que precisam estar alinhadas com esse objetivo de investir em marketing odontológico, são elas:

Cuidar das finanças 

Todo investimento, por mais simples que seja, precisa ser incluído no seu planejamento financeiro. E para que isso seja feito sem impactar outras áreas do negócio, é essencial que as finanças estejam organizadas.

Atualizar o seu plano de negócios

Toda nova ação no seu negócio também deve ser incluída no seu plano de negócios. Essa etapa é fundamental para que você tenha uma visão geral da sua clínica, e ter mais controle sobre os processos que a envolvem.

Se você não tem, ou quer saber mais sobre um plano de negócios, acesse: Como elaborar um plano de negócio odontológico?.

Quanto devo investir em marketing odontológico?

marketing odontológico

Esse é o tipo de pergunta que não tem uma resposta certa. Mas de acordo com a mesma pesquisa que citamos acima, a maioria das empresas costuma investir de 1% a 2% do faturamento em ações de marketing.

Porém isso depende muito dos objetivos e do tipo de marketing que a sua clínica quer fazer. Ações de marketing offline, como flyers, folders, cartões de visita, entre outros, podem ter um investimento contínuo. 

Mas o que isso quer dizer? Ao invés de determinar uma porcentagem mensal do faturamento para gasto com esse tipo de ação, separe um valor fixo por mês para o marketing offline.

Já o marketing digital, feito online por meio de redes sociais e sites, o ideal é tirar uma porcentagem do faturamento, como falamos mais acima. Normalmente, especialistas na área indicam investir até 10% desse faturamento em ações de marketing. Isso quando é voltado diretamente para vendas e captação de pacientes.

O ideal para quem está começando é investir um valor mais baixo e ir aumentando conforme a necessidade. Lembre-se que esse investimento precisa estar alinhado aos seus objetivos. 

Preciso contratar uma agência de marketing ou posso fazer sozinho?

Essa é outra dúvida muito recorrente quando falamos de marketing odontológico, especialmente para clínicas e consultórios menores. É claro que se o seu negócio está começando, talvez investir em uma agência especializada pode ser um gasto que você não está preparado para arcar.

No entanto, em algum momento será necessário contratar terceiros para realizar algumas atividades. Identidade visual da sua marca, impressão de materiais, construção de sites, anúncios pagos, entre outras tarefas. 

Mas existem algumas frentes que o dentista pode fazer sozinho, sobretudo quando falamos em produção de conteúdo para redes sociais. Afinal, não tem ninguém melhor para falar sobre odontologia que o próprio dentista

Hoje já existem no mercado diversas ferramentas que podem te auxiliar nessa produção, como o Canva. Lá é possível fazer imagens para posts nas redes de forma simples e prática. É gratuito, com algumas limitações.

Além disso, você pode organizar as publicações com o nosso calendário editorial. Para baixar, é só preencher o formulário aqui embaixo:

Como planejar o investimento em marketing odontológico?

Como já falamos no tópico anterior, existem algumas frentes de marketing em que será necessário ajuda de outros profissionais. Se você está iniciando nesse mundo, é essencial ter uma checklist do que você vai precisar:

  • Criação da identidade visual
  • Impressão e diagramação de folders, cartões de visita, etc
  • Desenvolvimento de site
  • Gerenciamento de redes sociais
  • Produção de conteúdo

Esses pontos são os básicos para iniciar um marketing odontológico, tanto no offline quanto online. Outro ponto importante é investir em marketing pessoal. 

Saiba mais acessando: Marketing pessoal para dentistas: invista agora mesmo!

Por fim,

Vimos aqui no Blog Dental Office quanto investir em marketing odontológico. Apesar de não haver uma resposta certa para essa questão, esperamos que os pontos mostrados aqui possam te ajudar a começar essa jornada no marketing para consultórios.

Se você ainda tem alguma dúvida, ou quer saber mais sobre marketing para clínicas odontológicas, é só acessar nosso material completo e 100% gratuito sobre o assunto. Neste guia você vai saber como criar conteúdos envolventes, como padronizar sua identidade visual, entre outras informações essenciais.

marketing odontológico

Se você gostou desse conteúdo, não deixe de compartilhar com a sua equipe e os colegas de profissão. Ah, não deixe de comentar o que achou. Sua clínica já investe em marketing? Como estão os seus resultados? Fala para gente aqui embaixo.

Agradecemos a sua leitura e te esperamos na próxima!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X

Preencha o formulário abaixo.

    Enviando...