Mulheres na odontologia

Para dentistas: Mulheres na odontologia

O século de XIX foi um período bem difícil para as mulheres conquistarem seu espaço profissional, e é por isso que a história da Lucy Beaman Hobbs Taylor se tornou uma grande inspiração.

Lucy, antes de se tornar a primeira cirurgiã dentista, teve diversas recusas de ingressar na faculdade de medicina.

Ela não desistia do seu sonho, queria trabalhar melhorando a saúde das pessoas. Tentou novamente entrar na faculdade em 1861, mas agora no curso de odontologia. Porém, mais uma vez teve seu acesso negado por ser mulher.

Ela não se intimidou, persistiu com seu sonho. E foi então em 1863 que conseguiu entrar no College of Dental Surgery.

Lucy Beaman, foi a primeira mulher a se formar em odontologia, recebendo também a graduação de cirurgiã dentista.

A identificação com a história da Drª Lucy, se reflete também nos dias de hoje. Em que milhões de mulheres ainda sofrem com misoginização.  

Mulheres na odontologia brasileira

Esse desejo, de muitas mulheres, em trabalhar com a saúde das pessoas também é refletido na odontologia brasileira.

Há algum tempo atrás a profissão era majoritariamente masculina.

Conselho Federal de Odontologia, divulgou ano passado (2018) que dos 484.450 profissionais inscritos 69,6% são mulheres (337.336) e 30,4% são homens (147.114).

Dentre todos os inscrito no CFO, há somente um predomínio de homens nas faixas de idade a partir de 61 anos. Mas, de 60 anos para baixo, predominam as mulheres e de forma crescente.

Esses dados mostram que a cada década aumenta a proporção de mulheres inscritas no CFO.

O Brasil já é o país que tem mais profissionais da saúde bucal, e não é a toa que a odontologia brasileira é a melhor do mundo.

Diversas pesquisas avançadas da odontologia se concentram no Brasil.

Em 2017, a odontologia da Universidade de São Paulo (USP), que reúne os campi de Bauru, Ribeirão Preto e São Paulo, está no topo do ranking do Center for World University Rankings (CWUR).

Além disso, o quarto e quinto do ranking ficou com Unesp e Unicamp, respectivamente.    

Mas, afinal, qual o segredo do Brasil em formar a melhor odontologia do mundo?

Nós do Blog Dental Office acreditamos que a chave do sucesso da odontologia brasileira é você, mulher, que aperfeiçoou os métodos, inovou no mercado odontológico e gerou milhares de oportunidades.

Nesse dia muito especial desejamos que você, mulher, continue fazendo desse mundo um pouco mais feliz, com muitos sorrisos.

Não deixe de compartilhar esse artigo com todas as mulheres da odontologia que você conhece.

Agradecemos sua leitura!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *