Como identificar o público-alvo de sua clínica odontológica

Todo negócio bem sucedido tem um públicoalvo definido previamente. Este é o conceito básico para conhecer clientes em potencial.

Nos tempos de hoje, a maior parte das empresas não se privilegia ao tentar atender uma parcela massiva de pessoas.

Isso vale também para as clínicas odontológicas, que ganham assertividade ao serem geridas de acordo com as características principais do público-alvo.

O grande objetivo de utilizar esse conceito é poder afunilar as estratégias de Marketing Digital, a fim de maximizar a satisfação do cliente, independentemente do setor – mas principalmente nas áreas de serviço.

Acompanhe o texto a seguir para saber mais sobre o conceito de público-alvo, entender a importância de identificá-lo e conhecer estratégias para fazer isso em clínicas odontológicas.

Saiba o que é público-alvo

O público-alvo é formado por grupos de clientes com características correspondentes. As empresas o identificam e elaboram estratégias pensando especialmente nele para ter campanhas mais efetivas e bons retornos das publicidades, convertendo vendas – por exemplo.

De forma tradicional, o conceito de público-alvo leva em conta certas informações que ajudam a dividir perfis de público. São exemplos:

  • Idade;
  • Localização;
  • Gênero;
  • Escolaridade.

Essas e outras informações são essenciais para segmentar uma boa campanha de Instagram Ads, por exemplo.

Basicamente, os dados do público-alvo servem para que a clínica odontológica alcance as pessoas que têm mais chances de serem convertidas em clientes fiéis, contudo, ela pode ser ainda mais direcionada.

Em um tempo marcado pela profusão de ofertas e conteúdo especializado, identificar o público-alvo da empresa é preponderante para a atuação profissional de sucesso.

Entenda por que identificá-lo

público-alvo

A ideia de público alvo já era amplamente utilizada no marketing e na publicidade antes da popularização do marketing digital. No entanto, essa tendência não predominava em tempos mais remotos e ganhou ainda mais força com a introdução dos meios digitais.

Antes, toda estratégia de marketing era pensada de forma massificada. Ou seja, o objetivo de toda empresa era alcançar o maior número possível de pessoas.

Por conta dessa meta grandiosa, os consumidores acabavam sendo reduzidos a uma massa uniforme e indistinta de pessoas.

Acontece que o investimento para anunciar no rádio, televisão ou jornal era tão alto que não valia a pena o esforço para atingir uma parcela tão pequena de pessoas, visto que o objetivo era tentar atrair o maior volume dessa audiência.

Já o marketing digital, simbolizado por ações como anunciar no Google Ads, se notabiliza pelo foco na segmentação.

Esse é o cerne dos benefícios de se identificar o público-alvo, e até a persona (personagem mais específico dos potenciais clientes), de uma clínica odontológica, visto que as campanhas podem ter um retorno mais significativo devido a compreensão da audiência.

Confira mais informações a seguir.

1. Desenvolver campanhas de sucesso

Quando os anúncios sobre a clínica em redes sociais e motores de busca têm o público alvo como base, os resultados são mais apurados.

Isso acontece porque, em primeiro lugar, a equipe tem a possibilidade de otimizar os recursos destinados ao orçamento da campanha.

Inclusive, as principais plataformas de programação de anúncios oferecem opções de pagamento bem vantajosas.

Quando se tem certeza de quem se quer alcançar, o custo de aquisição de cada cliente cai e uma audiência qualificada começa a ser criada.

2. Estabelecer comunicação mais próxima

A especificidade contribui para que a clínica se coloque frente ao público-alvo já engajado pelas estratégias de marketing.

O foco limitado permite que a empresa conheça as preferências e peculiaridades dos clientes mais de perto.

Essa é uma característica muito importante para consolidar uma imagem positiva na web, além de aguçar ainda mais o impacto do plano de ações de divulgação, criando identificação.

3. Identificar novas oportunidades

Sempre há um nicho de consumo a ser preenchido na internet. A base de consumidores é infinita, assim como as preferências e necessidades de cada um.

Suponha que, ao analisar os perfis dos seguidores da clínica odontológica, a equipe de marketing identificou que existe uma parcela considerável que mora em bairros muito distantes.

Nessa situação, é pertinente que os profissionais se reúnam e pensem em boas estratégias para atender esse público com mais assertividade.

Este é um exemplo de oportunidade que, em um primeiro momento, não estava explícita e depois foi devidamente identificada e aproveitada.

4. Se destacar frente a concorrência

Toda empresa anseia por ser vista de forma diferente pela base de clientes. Ocupar um espaço específico no mercado é uma das maiores provas de sucesso.

No caso de clínicas odontológicas não é diferente. O empreendimento precisa mostrar diferenciações para atrair e fidelizar cada vez mais clientes.

Esse lugar de destaque pode ser conquistado associando os serviços da clínica a valores positivos.

Assim, é importante ir além da qualidade do serviço em si. Ela é essencial, mas os negócios longevos são aqueles que se colocam como parte de um estilo de vida mais geral.

Saiba como identificar o público-alvo

público-alvo

Por fim, chegamos ao momento de mostrar como o público-alvo deve ser identificado na prática.

Preparamos um passo a passo bem detalhado para explicar de que forma a equipe de marketing digital de clínicas odontológicas pode fazer isso, com foco em como funciona o Facebook Ads e outras ferramentas do ramo. Confira!

1. Faça pesquisas de mercado

É preciso começar analisando o mercado em que a clínica está inserida. A análise deve considerar três pilares: o comportamento dos consumidores, as ações dos concorrentes e a realidade social em geral.

Faça entrevistas e consulte jornais e trabalhos acadêmicos para saber quais são os costumes típicos do segmento de mercado que você quer explorar.

Faça o mesmo com as clínicas concorrentes, em especial para saber o que tem dado certo e como a sua clínica pode se diferenciar das outras.

A realidade social diz respeito às tendências sociais, culturais e tecnológicas que podem influenciar os clientes.

2. Personalize o seu produto

Mesmo quando se fala em odontologia, é adequado olhar para o serviço prestado como um produto.

Desse modo, é preciso se perguntar quais são os benefícios que a clínica gera para as pessoas, os problemas que ela resolve e o valor que ela proporciona.

São questionamentos fundamentais para criar uma proposta de valor consistente para a clínica odontológica. Se houver um procedimento em que o corpo de dentistas seja especialista, melhor ainda.

3. Identifique os segmentos

Depois de reunir as informações demográficas, geográficas e comportamentais dos clientes, é hora de organizá-las.

A observação das motivações pelas quais as pessoas procuram por clínica odontológica oferece insights muito valiosos.

Cada pessoa tem suas motivações, mas é possível identificar semelhanças e padrões de comportamento e, a partir daí, começar a segmentar os perfis.

Todo mundo precisa ir ao dentista para manter a saúde bucal em dia. Mas a maioria dos adolescentes costuma investir em aparelho dental, enquanto os adultos de meia idade fazem restaurações.

Essas duas pequenas variáveis já dão material para criar, ao menos, dois segmentos de consumo.

O cruzamento de variáveis possibilita que se identifique ainda mais padrões de comportamento. 

Então, a clínica vai estar preparada para atender a todos com qualidade e sanar dúvidas mais específicas nas redes, atraindo um público cada vez mais adequado e preparado.

4. Saiba quais são os segmentos mais vantajosos

A partir do momento que os segmentos de consumo são identificados, o próximo passo é avaliar qual é o mais atrativo à clínica.

São diversas variáveis a levar em consideração, como:

  • Presença de concorrentes;
  • Lucratividade;
  • Possibilidades de atração de clientes;
  • Popularidade.

É necessário ter possibilidades de medir essas e outras variáveis, de modo a ter certeza de que o segmento sob análise merece ser explorado com atenção.

5. Defina o público alvo

A avaliação dos segmentos à disposição da clínica permite, por fim, que o público-alvo seja devidamente selecionado.

É importante salientar que a clínica pode atender a mais de um segmento ao mesmo tempo.

Basta documentar as características de cada parcela do público e oferecer serviços que sejam atrativos para todos eles.

Cada segmento precisa ser abordado com estratégias criadas especialmente para ele. Isso vai potencializar o impacto e conferir notoriedade à clínica como uma instituição que contempla várias frentes.

No caso de marcas que trabalham com produtos, geralmente há um portfólio em que as características do público são detalhadas, em conjunto com os respectivos produtos.

Toda a equipe deve ter noções aprofundadas das particularidades do público-alvo. Assim, os profissionais envolvidos poderão trabalhar da melhor forma.

6. Elabore as estratégias

É chegada a hora de definir o posicionamento da empresa com relação ao público-alvo que vai ser visado.

No caso de trabalhar com mais de um segmento, o ideal é ter mais de um posicionamento e abordar essas diferentes linhas.

Isto é, cada serviço oferecido pela clínica odontológica tem que ser atrelado às maneiras como ela vai ser apresentada no mercado.

Além disso, os 4 P’s do marketing (preço, produto, praça e promoção) dão o suporte suficiente para fazer a elaboração das estratégias e se colocar em posição de destaque.

Considerações finais

Por meio do material disponibilizado, analisamos com detalhe os pontos principais do conceito de público-alvo.

Trouxemos os dados e ferramentas necessárias para começar a aplicar essa ideia em clínicas odontológicas.

Atente-se ao comportamento e às preferências de quem busca pela clínica para ter certeza de como proceder e ampliar sua rede de clientes a longo prazo.

Esse texto foi originalmente escrito pela Ideal Marketing.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *